Facebook

Navigation Menu

28 de dezembro de 2010

Juíza nega prisão a suspeito de matar miss no Rio Grande do Sul


A juíza Milene Fróes Rodrigues Dal Bó, da 1ª Vara Criminal da Comarca de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, negou o pedido de prisão preventiva de um homem suspeito de matar a modelo Caren Brum Paim, de 22 anos, no início do mês. Ela era candidata no concurso Miss Itália Brasil.

O suspeito era vizinho da vítima e teria confessado o assassinato à polícia. O pedido de prisão preventiva foi feito em 23 de dezembro pelo Ministério Público, mas foi negado no mesmo dia. O MP vai recorrer da decisão.

A modelo morava na cidade há quatro meses e foi encontrada enforcada com fios de fone de ouvido de telefone celular, na zona rural do município. Segundo a polícia, ela teria sido morta na casa do vizinho.

Os dois discutiram em uma festa dias antes do crime. O suspeito foi indiciado por homicídio qualificado e ocultação de cadáver e a mãe dela por ocultação de cadáver, já que o teria ajudado a transportar o corpo.

Fonte: eBand

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

1-Comente apenas sobre o conteúdo da postagem, caso o comentário aborde outro assunto que não seja o exposto no texto, ele será excluído.
2-Não use palavras de baixo calão.
3-Se deseja comentar , reclamar ou participar das redes sociais do site, é só clicar no link desejado.

APROVEITE NOSSO CONTEÚDO NAS REDES SOCIAIS!

Instagram
Twitter
Facebook
TV Beleza Sergipana
Assine nosso feed
Entre em contato conosco